PIADA: Canguru no bar

| 29 de jul de 2011
Na tarde do sábado de um feriado prolongado, a cidade estava vazia e o boteco do Zeca às moscas. De repente, o Zeca recebe uma visita inusitada: um canguru.

- Uma pinga, por favor! - pede o canguru.

Após alguns segundos, Zeca consegue se recompor da surpresa e serve a pinga para o inusitado cliente.

- Quanto lhe devo? - pergunta o canguru.
- Dez Reais! - diz Zeca sem hesitar.

O canguru tira dez Reais da sua bolsa e começa a beber vagarosamente, enquanto Zeca o observa curioso. Após alguns minutos de silêncio, Zeca decide puxar conversa:

- Sabe, esta é a primeira vez que eu vejo um canguru no meu estabelecimento e eu...
- E vai ser a última! - interrompe o canguru - A dez Reais a pinga!
Visto em: ,