Homem dá o troco e faz banco assinar contrato sem ler

| 10 de set de 2013
O russo Dmitry Agarkov deu o troco em um banco de seu país. Após receber um cartão de crédito sem pedir, ele escaneou o documento, escreveu suas próprias condições e enviou de volta para o banco Tinkoff Credit Systems, que assinou tudo sem ler. Dessa forma, a instituição topou ceder um cartão com crédito ilimitado sem juros ou taxas e com uma cláusula que obrigava o banco a pagar multa caso cancelasse o cartão.

Propaganda do cartão do banco Tinkoff
(Foto: Reprodução)
Pois bem, Agarkov usou o cartão por dois anos livremente até o banco cancelar e processá-lo na justiça por não pagar US$ 1.363 em taxas que ele devia. Mas o contrato garantiu que ele pagasse apenas US$ 575 em atrasados. Agora, o russo está processando o banco em US$ 727 mil pela quebra do contrato, mas o banco alega que sequer leu o documento. Coitado do banco...

Fonte: Hoje em Dia/R7
Visto em: ,