Polícia Ambiental derruba carga com cobras e roedores

| 24 de set de 2013
Animais eram levados para o Parque Zoológico Quinzinho de Barros, em Sorocaba (SP)

Paulo Lopes dos Santos capturou dois roedores
(Foto: Pedro Negrão)
Cobras e ratos se espalharam pela rua Aristides da Silva Lobo, na Vila Haro, na manhã da última segunda-feira, após caírem de uma caminhonete da Polícia Ambiental. Ao todo, na caçamba da pick-up estavam três cobras e sete caixas com roedores. Câmeras de segurança de um estabelecimento comercial próximo ao local registraram o exato momento do acidente. O vídeo pode ser conferido no site www.cruzeirodosul.inf.br.

Roedor pego em loja
(Foto: Pedro Negrão)
Um terrário com cobras e caixas com roedores caiu da caminhonete da Polícia Ambiental que transportava os animais para o Parque Zoológico Municipal Quinzinho de Barros. O acidente aconteceu por volta das 10h30, quando o veículo passou por uma lombada e a "carga" escorregou e caiu na rua. Das três cobras que estavam no veículo, apenas duas escaparam com a queda do terrário, porém, todas as caixas com roedores caíram, liberando-os na rua.

Os policiais ambientais receberam ajuda de moradores da vizinhança e funcionários do zoológico para o resgate dos animais. A limpeza do asfalto e a captura das cobras e ratos durou cerca de 30 minutos. Apesar do resgate da maioria dos roedores, dois ainda se esconderam no estabelecimento do comerciante Paulo Lopes dos Santos. "Coloquei eles em uma caixa de papelão, mas minha esposa foi tentar pegar e levou uma mordida no dedo", conta.



A dona de casa Maria Aparecida Camargo Justo, vítima da mordida de um do roedor, procurou o centro de saúde do bairro. "Tomei uma injeção antitetânica por prevenção, e a enfermeira pediu que retornasse daqui a dois meses para uma nova dose", comenta.

A Polícia Ambiental informou que apesar da queda, os animais não se feriram. As cobras foram transferidas para outro terrário e foram levadas para o zoo.

Fonte: Jornal Cruzeiro do Sul
Visto em: , ,