Americano atira e mata veado albino

| 4 de dez de 2014
Um homem disparou  e matou um veado albino na manhã de terça-feira (02) na cidade de Cape Girardeau, no estado Missouri - EUA. As informações são do KFVS TV

Reprodução/KFVS12

Jerry Kinnaman diz ele atirou com um arco e flecha em sua propriedade. Ele disse que estava de olho no 'fanfarrão' por um longo tempo e na terça-feira de manhã, levou-o para casa. Kinnaman diz ele atirou o cervo a 25 metros de distância. Ele correu 30 jardas, em seguida, caiu.

O veado foi visto freqüentemente em Cape Girardeau por vários anos. No entanto, muitas pessoas falaram em mídias sociais, dizendo que estive observavam o animal também, e agora estão chateados, pois ele se foi.

Kinnaman tem sido um caçador durante anos, mas este ano ele sabia o que ele queria. "Eu estava pronto", disse ele. "Eu nem sequer ficar animado de verdade. Eu estava apenas focado no que eu tinha que fazer." Mas nem todos concordam com sua atitude. Um espectador disse: "Ele deveria ter deixado ele sozinho." Outro disse: "Esta é uma notícia tão triste. O veado foi um pouco de magia nos bosques."

É uma reação Kinnaman sabia que viria, mas ele defende e diz que o animal parecia ter sido ferido antes. "Ele provavelmente foi disparado um par vezes por alguém com um foco de luz, provavelmente, foi atropelado por um carro uma ou duas vezes", alega. Ele não quer dar muita atenção ao caso, "eu não quero fazê-lo um grande negócio, porque para mim, é apenas um outro animal e tive a sorte de levá-lo", diz.


De acordo com o Departamento de Conservação do Missouri, é legal a caça de veados. Tennessee e Illinois (Estados vizinhos), não, caçar veados albinos não é legal. Um agente de conservação diz que não há sinais de que o caso foi ilegal.

Kinnaman responde à acusação dizendo que o veado não era manso e tinha um 'grande senso de consciência'. Também diz não ter interesse em vender o animal, mas em doar ao Centro de Conservação de Natureza de Missouri.

Visto em: , , ,