Exóticos no mundo

| 18 de set de 2015
| Por Joana Maria

Quando se ouve falar em coelho, javali, rã, jacaré e outros; muitos torcem o nariz e fazem cara feia. Mas se comparados às iguarias saboreadas ao redor do mundo esses animais se tornam a verdadeira comida dos anjos.

Fotos e vídeo: Reprodução/internet

Convido a fazer um pequeno tour, através das iguarias saboreadas no mundo.

FUGU


No Japão o que encontramos é o “Fugu”, que é servido geralmente como sashimi. Até aí nada demais, o problema na verdade é que esse peixe tem em suas vísceras uma substância chamada de ‘Tetrodoxina’ que é um veneno letal resistente ao cozimento. De 50 a 80% dos casos de envenenamento pela toxina a pessoa vai ao óbito em 24 horas. É preciso coragem, para encarar esse peixinho.

CAMARÕES BÊBADOS


Na China a tradição é comer camarões bêbados, é isso mesmo. Os bichinhos são servidos vivos. Como o camarão reage quando você tenta devorá-lo, a solução foi embebedá-los, com uma demolhada em bebida alcoólica. E se o garçom lhe disser que o camarão não está bêbado o suficiente, tenha paciência, será melhor para você que ele esteja bem embriagado.


SANNAKJI


Prato coreano simples, são tentáculos de polvo vivo. Porém, como os tentáculos possuem ventosas, há o risco de se afixarem na boca ou na garganta de quem o come; matando por asfixia. A orientação é mastigar muito bem, para não colocar a vida em risco.

BALUT


Prato típico nas Filipinas, trata-se de um ovo de pata com embrião. É só deixar se desenvolver por 17 dias, ao ponto de ter penas e bico. Depois é cozido e temperado com molho de soja, vinagre, limão, sal, pimenta do reino e coentro. Pronto, é só servir na própria casca. Boa sorte!

PORQUINHO DA ÍNDIA


Prato peruano, chamado de ‘Cuy’. São ótima fonte de proteína, ideais para as famílias que moram nos Andes. Na maioria das vezes são assados com todos os membros, inclusive a cabeça. Não há muito o que comer, é claro, segundo dizem o sabor do porquinho assemelha-se ao coelho.

Este é um dos dos textos da
Série Carnes exóticas
Visto em: , , , ,